sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Superintendência do Incra de Santarém perde Municípios.


Este foi um duro golpe nos caciques do PMDB do Pará, via deputado federal José Priante, que brigaram para assumir a Superintendência do órgão em nossa região.
Foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira, dia 08, Seção 235, página 87, a Resolução nº 27 que vincula a Unidade Avançada do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, Incra  de Altamira diretamente à presidência do órgão em Brasília.
Com esta decisão, os municípios de Placas, Uruará, Medicilândia, Brasil Novo, Altamira, Vitória do Xingu, Senador José Porfírio, Porto de Moz, Almeirim, Anapu e Pacajá, saem da jurisdição da Superintendência do Incra de Santarém.

Por essa o PMDB do Pará não esperava e mostra que o PT continua mandando, via deputado federal Zé Geraldo, que queria criar uma Superintendência do órgão em Altamira. Não conseguiu, mas tirou os municípios acima mencionados da jurisdição de Santarém, pois toda atenção do Brasil ultimamente está sendo direcionado para a região de Belo Monte. Bem como mostra a força dos ex-superintendentes Luciano Brunet e Cleide Souza, que de Brasília mostram que ainda têm influência em nossa região.
O que mais chama atenção, é que 90% dos recursos que a presidência do Incra vai liberar para região, vai ser  destinado para Altamira. Ficando apenas 10% na Superintendência de Santarém para ser distribuído aos municípios que ficaram na jurisdição, como Faro, Terra Santa, Jacareacanga e outros. O PT mostra sua força sobre o PMDB, que até agora não conseguiu encaixar Jader Barbalho no Senado Federal.
Fonte: RG 15/O Impacto e Alciane Ayres

Nenhum comentário:

Postar um comentário