casa destelhada
fotos: Marlo/Dinei.
telhas voaram .

A chuva forte que caiu sobre a cidade na madrugada de hoje deixou  muita gente preocupada, principalmente com os trovoes, relâmpagos e a forte ventania que ameaçava destelhar casas e derrubar arvores.  Na décima rua do bairro da floresta uma arvore caiu em cima de caminhão que estava estacionado, a arvore também  quebrou o poste da rede elétrica deixando varias residência sem energia  durante o resto da noite.  na  37ª rua uma casa foi quase que totalmente destelhada, os moradores passaram a noite m vigília com medo de um acidente pior.  As chuvas fortes estão causando transtornos em vários pontos da cidade. As ventanias também estão amedrontando que viaja por meios fluviais. O corpo de bombeiros tem sido acionado constantemente para atender situações de risco.

EQUIPE DA ALTERNATIVA E CONVIDADOS.
 A rádio comunitária Alternativa FM, promoveu ontem um debate publico que Discutiu os fatores positivos da criação dos Estados do tapajós e Carajás. O encontro aconteceu na barraca de eventos da orla e foi comandado pelo radialista Antonio Santana, auxiliado pelo diretor da emissora Lourimar Santos, e toda Equipe técnica da rádio. Participaram do encontro o diretor da FAI Abel Almeida, o jornalista Jota Parente, o presidente da CDL Afabio Borges, o presidente da API Diego Mota, da associação empresarial Irma Barassuol, do sindicato rural Antonio Carlos, o vereador Cezar Aguiar, o presidente do PSB Emanuel Bentes, do PT Edson Souza, alem de lideranças o movimento estudantil e outros entusiastas do assunto. O encontro foi fundamental para tirar duvidas importantes do ouvinte. Alem de ser transmitido para a cidade e interior,a presença do movimento também chamou a atenção de que passava pela orla. O blog parabeniza a radio que leva a serio seu slogan de promover a atitude social em primeiro lugar.        
 A Corregedoria Geral de Polícia Civil do Pará cumpriu ontem mandado de prisão, expedido pela Comarca da Capital, contra o delegado José Arinaldo Pantoja Assunção, lotado na Seccional Urbana da Marambaia, sob a acusação de desvio de conduta no exercício de suas funções. A prisão do delegado, realizada por policiais da Divisão de Crimes Funcionais (Decrif), vinculada à Corregedoria Geral, ocorreu na delegacia onde ele trabalhava, e resulta do esforço em retirar do sistema de segurança pública profissionais cujas condutas estão em desacordo com o que se espera de um servidor público.

Por unanimidade, o STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu nesta quarta-feira (24) rejeitar a ação direta de inconstitucionalidade que visava limitar o número de eleitores no plebiscito de desmembramento do Pará. Os ministros seguiram o voto do relator, Dias Toffoli, estendendo a todos os moradores do Estado o direito de participar da iniciativa, e não somente aqueles que vivem nas áreas a serem separadas.

Na prática, isso significa que deve haver apoio majoritário em todo o Pará para o surgimento dos Estados de Tapajós e Carajás. Belém é contra a iniciativa. A campanha tem previsão de início em 11 de setembro, para ambas as frentes –pró e contra a divisão. A ação julgada foi iniciada há quase dez anos pela Assembleia Legislativa do Estado de Goiás e entrou na pauta com o apoio dos grupos pró-Carajás e pró-Tapajós.