terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Homem se joga de embarcação e desaparece no rio Tapajós

Com problemas mentais, o homem se jogou do Barco Leão IV, às proximidades de Boim

Barco motor Leão IV
Na tarde do último domingo, dia 15, o comandante do barco Motor Leão, que largou do porto da Praça Tiradentes, em Santarém, com destino a Itaituba, jamais poderia imaginar que conduzia entre os passageiros, um cidadão com um problema capaz de levá-lo a tirar a própria vida.
O barco que zarpou às 15 horas de Santarém, navegava traquilamente pelas águas do exuberante rio Tapajós. Enquanto alguns passageiros conversavam entre si e outros se encontravam na aérea de lazer da embarcação ouvindo músicas e vislumbrando o por do sol, na parte traseira do barco, um grupo de amigos oriundos de Macapá-AP, brincava carteado, sendo observados por outros passageiros, entre os quais o cidadão José Raimundo Oliveira da Costa, natural do Amapá, que ia para Itaituba com a finalidade de trabalhar em uma fábrica de palmito localizada na comunidade Campo Verde, no Km 30, no entroncamento das rodovias BR 230 – Transamazônica e BR 163 – Santarém/Cuiabá.
Mas o passageiro não conseguiu chegar a seu destino, já que às 20h50, próximo a comunidade de Boim, José Raimundo (que segundo seus amigos, já havia sofrido um ataque quando viajava entre Macapá e Santarém), passou sobre as redes de algumas senhoras, deu várias voltas em um tubo de ferro, bateu fortemente em uma parede, ultrapassou a parede de proteção existente no segundo piso da embarcação e se jogou na escuridão, desaparecendo nas águas profundas do rio Tapajós.
Os passageiros que já se encontravam apreensivos com as atitudes de José Raimundo, ficaram totalmente aterrorizados com a cena que acabou em tragédia. O pavor tomou conta dos passageiros, a ponto dos mesmos só comunicarem a tripulação do barco, cinco minutos após o ocorrido. 
Ao tomar conhecimento do incidente, o comandante do Barco Motor Leão IV mandou retornar na tentativa de localizar o homem, mas infelizmente nada encontrou. O corpo de José Raimundo sumiu nas águas do Tapajós. Buscas estão sendo feitas por homens da Marinha e Corpo de Bombeiros, na tentativa de achar o corpo do suicida.
Fonte: RG 15/O Impacto e Francisco Amaral

Nenhum comentário:

Postar um comentário