domingo, 22 de janeiro de 2012

Vai ficar pior: Pará vai receber R$ 250 mi a menos da União em 2012


Valor destinado ao Estado, R$ 4,7 bilhões, equivale a 2,5% do montante nacional

Segundo dados do Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal (Siafi), a parte do Orçamento da União prevista ao Pará em 2012 é de R$ 4,735 bilhões. Em 2011, o valor foi de R$ 4,982 bilhões. A queda é, portanto, de R$ 247,8 milhões apenas no Orçamento, que define os valores previstos em custeio, transferência para programas federais em diversos setores e obras de infraestrutura.
Somados todos os orçamentos previstos a todos os estados, o valor chega a R$ 188 bilhões. Assim, a fatia do bolo ao Pará é de apenas 2,5% do total. O Rio de Janeiro é o Estado que irá receber a maior fatia, com R$ 26,8 bilhões. São Paulo terá R$ 21,3 bilhões. Minas Gerais, R$ 15,8 bilhões.
As diferenças regionais também ficam mais evidentes quanto à distribuição dos valores. A região Norte teve a menor parte dos recursos do orçamento em 2012, com R$ 18 bilhões, somados os valores dos sete estados da região. Enquanto isso, o Sudeste lidera, com R$ 66,7 bilhões.
Nesta semana, a presidente Dilma Rousseff sancionou a lei que define o Orçamento, ou seja, estima a receita e fixa a despesa da União para o exercício financeiro de 2012. O valor previsto é de R$ 2,257 trilhões - aproximadamente R$ 187 bilhões a mais em comparação ao Orçamento de 2011. Se no montante do País o valor cresceu, o mesmo não pode ser dito em relação ao Pará. A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2012 caiu em quase R$ 250 milhões ao Estado em relação ao exercício do ano passado.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário