terça-feira, 27 de março de 2012

Contas de Roselito é debate na camara.



 De um lado a oposição representada por César Aguiar tenta conscientizar os demais parlamentares a votarem pela aprovação, e do outro lado Luis Fernando Sadeck, lutando pela rejeição das contas. Peninha usa o argumento de que o ex prefeito deixou de repassar para a previdência social mais de três milhões de reais e teria se apropriado desse recurso já que não houve justificativa onde foi aplicado.
 César Aguiar também tem sua tese de defesa, e exige que o assunto seja amplamente discutido para que os parlamentares não cometam injustiça com o ex prefeito. César também alegou que o atual gestor não estaria repassando para a previdência social os recursos referentes aos descontos da folha de pagamento dos servidores e  do Patronal, e desafiou Peninha a apresentar provas de que tudo está sendo feito como determina a lei.

 O vereador da base do atual prefeito disse que as contas de Valmir Climaco  só poderão  ser julgadas após  o  fim do mandato, segundo ele César estaria tentando confundir a opinião dos vereadores para aprovarem a contas do ex prefeito. Segundo Peninha o próprio sindicato dos professores teria encaminhado documento ao ex prefeito,  comunicando a falta do repasse da previdência social e que o dinheiro estaria sendo usado para outros fins.
Garimpando Por Marinaldo Silva.

Um comentário:

  1. Infelismente nesse puxa e encolhe só quem perde somos nós eleitores, pois por baixo desse pano o que corre é a pura corrupção com o dinheiro publico. não é isso que vemos nos meios televisivos.

    ResponderExcluir