Defesa civil avalia prejuizos em Trairão.


O número das famílias atingida já passa dos 40, das quais 6 estão desalojadas e procuraram abrigo na escola.
A Defesa Civil de Trairão  esteve junto com op Vereador Iziquiel, nesta quinta-feira(01), nas áreas da Comunidade do Aruri que foram alagadas e danificadas por conta das fortes chuvas que assolam o Município nos últimos dias e consequentemente, da cheia do Rio Aruri. A Coordenação Municipal de Defesa Civil (COMDEC) está realizando o monitoramento das áreas atingidas diariamente, bem como intensificando os trabalhos nesse período de chuvas constantes. 
O nível do Rio Aruri subiu muito nos últimos dias, devido às chuvaradas que caem sem parar por sobre a região. Algumas casas, já foram alagadas, forçando famílias inteiras a procurarem abrigo em uma escola da vila. Temendo uma enchente ainda maior, moradores fazem “trepeiros” dentro de casa para abrigarem os móveis eletrodomésticos, ranchos e roupas, por causa da água que começou a chegar em várias casas.
 

De acordo com o Coordenador Municipal da Defesa Civil, o índice acumulado de chuva nos últimos dias foi muito e, a previsão é de mais chuvas para os próximos meses, o que deixa ainda mais os moradores em situação de alerta. A COMDEC já passou um relatório para a capital do Estado e diariamente está repassando esses documentos,inclusive relatando todos os prejuízos causados pelas enchentes, que já de início contabiliza mais de 40 famílias atingidas, das quais,seis estão desalojadas, abrangendo quase 250 pessoas. O Coordenador da COMDEC Roberto Machado, orientou os comunitários para ficarem em alerta e passou o telefone da COMDEC, avisou-os ainda para ficarem em alerta, já que a previsão, é de cair mais água no Município.


De acordo com Japão, um morador da comunidade, a anos não se via uma cheia tão grande como essa, “ a última, foi em 2003 e no final de março, esse ano estamos ainda no início do mês e a água já ameaça entrar dentro de casa”, ressaltou o comunitário, que preocupado, já estava trepando seus móveis e rancho.

















portaltrairense.blogspot.com

0 comentários:

Postar um comentário