quarta-feira, 16 de maio de 2012

Maioria dos prefeitos quer reeleição

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) divulgou uma pesquisa que mostra que 73,3% dos atuais prefeitos têm intenção de concorrer a um novo mandato nas próximas eleições.
A pesquisa informa ainda que dos 5.563 municípios brasileiros, os atuais prefeitos podem concorrer à reeleição em 3.302 deles e que, até o mês de março passado, 2.418 deles já tinham decidido enfrentar o pleito eleitoral.

 A pesquisa revela ainda, 500 prefeitos não pretendem se reeleger e os indecisos chegam a 333. Do total de municípios brasileiros, em apenas 51 deles a CNM não conseguiu contato com os prefeitos.
Já o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, não se impressiona com tantos números e afirma que há um movimento de desinteresse pela reeleição por parte dos atuais prefeitos. Nas eleições municipais de 2008, 76,9% dos prefeitos se candidataram.
Ele diz que todos os atuais prefeitos podem concorrer à reeleição, mas muitos deles desistem pela quantidade de problemas que eles encontram.
- Prefeito é uma das atividades de maior risco no país, já que a lei é a mesma no âmbito federal, estadual e municipal, mas é sempre aplicada no “andar de baixo”, o que é muito ruim. Dificilmente vê-se um governador ser destituído do cargo, a não ser num caso gravíssimo como do do ex-governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda - revela.
Ziulkoski diz também que todos os prefeitos que vão assumir no dia 1 de janeiro de 2013 podem perder o cargo por improbidade:
- Nenhuma prefeitura cumpre o piso mínimo do magistério, por exemplo. Isso é improbidade.
Os números da pesquisa indicam que o estado com o maior número proporcional de candidatos à reeleição é Rondônia que, do total de 36 municípios, 32 já decidiram concorrer e apenas dois já afirmaram que não vão participar do pleito. No Amapá dos sete municípios onde pode haver a reeleição, seis já decidiram concorrer e somente um disse não.
Em Minas Gerais, estado que tem o maior número de municípios onde pode haver reeleição - total de 457 - em 319 (69,8%) os atuais prefeitos já confirmaram que concorrerão , 53 já disseram não e em 81 municípios ainda há indecisão. Já em São Paulo, pode haver reeleição em 350 municípios. Destes, em 278 os atuais prefeitos irão concorrer, em 27 não irão e em 45 ainda há dúvidas se concorrerão ou não.
Na Bahia, estado que tem 264 municípios onde pode haver reeleição, 202 atuais prefeitos já decidiram concorrer. Outros 27 prefeitos baianos já afirmaram que não vão concorrer e 30 ainda estão indecisos.

Fonte: Folha

Nenhum comentário:

Postar um comentário