quarta-feira, 13 de junho de 2012

Bens bloqueados: Maia sofre 3ª derrota na Justiça


O ex-prefeito e deputado federal Lira Maia (DEM) tenta, tenta, tenta, mas não consegue fazer o desbloqueio de R$ 43 milhões de sua fortuna. O bloqueio, decretada pela Justiça há cerca de 5 anos, é para cobrir um suposto desvio de recursos do IPMS (Instituto de Previdência do Município de Santarém), extinto quando ele exerceu o cargo de prefeito de Santarém (1997-2004). A mais recente derrota amargada pelo líder cipoalense no caso foi oficializada ontem (12), via Diário de Justiça do Pará. O TJ (Tribunal de Justiça) negou ao parlamentar recurso especial para que o seu processo subisse ao STJ (Superior Tribunal de Justiça), e lá ele obtivesse melhor sorte. Essa é a terceira derrota que Lira Maia sofre em solo paraense neste processo.
1ª) Quando a juíza Bethânia Pessoa, da 8ª Vara Cível de Santarém, decretou o bloqueio dos bens dele no valor de R$ 43 milhões;
2ª) Quando o TJ do Pará manteve a decisão de 1ª instância;
3ª) Agora, quando o TJ do Pará negou-lhe recurso especial;
Lira Maia ainda tem uma bala na agulha: ajuizar um agravo de instrumento.

Blog do Jeso Carneir
o

Nenhum comentário:

Postar um comentário