quarta-feira, 13 de junho de 2012

Deputados em conflito na base de Jatene em Itaituba

Dudimar: Hilton não honrou os acordos

Segundo Dudimar, devido sua ausência de Belém, justificada por seus compromissos em Brasília, Hilton Aguiar que está constantemente na capital do estado, tem se aproveitado para articular mudanças nas direções dos órgãos estaduais em Itaituba.

A forma sorrateira do deputado estadual Hilton Aguiar de fazer política vem causando conflito na base aliada do governo do estado em Itaituba. Em contato com a reportagem da Folha do Oeste, o deputado federal Dudimar Paxiúba(PSDB) disse que seu relacionamento político com Hilton Aguiar(PSC) está estremecido. Dudimar disse que devido sua ausência de Belém, já que tem seus compromissos em Brasília, Hilton Aguiar que está constantemente na capital do estado, tem se aproveitado para articular mudanças nas direções dos órgãos estaduais em Itaituba. Dudimar afirmou que o fato já vem ocorrendo desde 2011, quando o deputado federal teve que se afastar do mandato e se agravou neste anos.
Dudimar Paxiuba disse que Hilton Aguiar tem emplacado indicações em todos os setores da administração estadual em Itaituba, exemplificando a Susipe, Detran, 12ª Ure, Iasep, Adepara, Cosanpa, PM e Polícia Civil e agentes da cadeia pública, restando ao deputado federal apenas a direção do Detran, hoje ocupada pelo seu irmão João Paxiuba.
Dudimar disse que chamou a atenção da Casa Civil do governo para os acordo traçados ainda no início do governo, quebrados a partir de que Hilton Aguiar passou a indicar chefias sem consultar o próprio Dudimar Paxiúba e o deputado José Megale e ainda sobre as ingerências políticas que estariam ocorrendo dentro de alguns órgãos, citando a 12ª URE, que por ordem de assessores de Hilton Aguiar, os professores do Sistema Modular de Ensino teriam suspendido as aulas para participarem de reunião política promovida pelo PSC partido do deputado Hilton Aguiar.
Afirmando que a forma como o deputado estadual vem utilizando os órgãos governamentais é conflitante ao comportamento de um aliado do governo, Dudimar lembrou que Hilton Aguiar trabalhou contra o Jatene e, apesar de ainda manter uma ligação forte com o deputado federal Cláudio Puty(PT), hoje é quem indica e comanda quase todos os cargos em Itaituba na esfera estadual.
Afirmando que se faz preciso dizimar as trapaças e ingerências políticas partidárias dentro dos órgãos públicos, Dudimar disse que se os cargos são de confiança e o governo necessita de indicações, se faz necessária a divisão desses cargos entre os detentores de mandatos que fazem parte da base do governo, no caso o próprio Hilton Aguiar que veio para a base após a eleição, o deputado José Megale, o próprio Dudimar e agora o deputado Nélio Aguiar, que faz parte da base aliada do governo do estado, obteve expressiva votação em Itaituba e até o momento, não fez nenhuma indicação. “Argumento que por respeito e pelo princípio da proporcionalidade há necessidade imperiosa de uma reavaliação das indicações, para que desta feita seja também contemplado o deputado recentemente empossado.” E concluiu: “Não faço qualquer tipo de ingerência nas representações dos órgãos. Só não concordo com o uso político/partidário indiscriminado desses órgãos como vem ocorrendo em Itaituba. Ainda mais quando isso ocorre para atender interesses de grupos políticos que faziam parte do governo do PT e que trabalharam contra a eleição do governo de Jatene.”
Fonte: blog politicacompimentamalagueta 

Nenhum comentário:

Postar um comentário