segunda-feira, 25 de junho de 2012

Macapaense é morto a tiros em Morais Almeida

  O soldado da Policia militar, Sobrinho de Morais Almeida pelo telefone nos passou detalhes sobre o acontecimento na integra. 


Segundo Sobrinho, o cidadão Samuel Farias de Sousa trabalha no ramo de exploração de palmito na região, e a vítima conhecida apenas pelo apelido de Cafuné que veio da cidade de Macapá estado do  Amapá,  trazido pelo seu futuro assassino, (era funcionário do mesmo). 


O Soldado informou que a motivação do crime pode ter sido bebida alcoólica, Samuel relatou que a vítima e mais duas pessoas que também são funcionários do mesmo, haviam bebido a noite inteira.

E já por volta das 7:30 minutos da manhã seguinte, a vítima e seus companheiros de bebida foram até Samuel, pediram mais dinheiro para beber. 

Samuel disse que não tinha mais dinheiro, pois já tinha dado a cota de cada um que era de 50 reais. Então os três se voltaram contra Samuel e começaram uma discursão. Samuel disse que em seguida a vítima pegou um machado e deferiu-lhe um golpe que o atingiu no braço esquerdo.

Samuel  guardava um revolver calibre 38, que pertencia à própria vítima, pegou o mesmo, e atirou no abi-domem da vítima por duas vezes que faleceu no local. 

Samuel foi levado para a Clinica Filadélfia onde recebeu atendimento médico e passa bem.
Fonte: jornal folha do progresso 

Nenhum comentário:

Postar um comentário