segunda-feira, 11 de junho de 2012

Policia abre inquerito para apurar morte de crianças

   A policia civil instaurou inquérito para apurar a responsabilidade das mortes de duas meninas em uma revenda de piscinas,   na tarde de terça  o dono da empresa deve ser ouvido.
 As imagens trágicas de sábado ainda estão na memória de quem viu duas crianças perderem a vida, principalmente para a família que ainda busca uma resposta para um descuido que ceifou a vida das inocentes crianças de 5  7 anos.
 A policia já ouviu os familiares das vitimas,  algumas testemunhas e quer ouvir também os funcionários e proprietários da empresa. Mais o delgado responsável pelo caso já adiantou preliminarmente que pretende indiciar os donos da empresa.
 A empresa alega que o espaço segue normas da fabricante quanto à segurança, e que o estilo de amostragem é padrão para as franquias.  A empresa  retomou suas atividades na segunda feira, a piscina que se tornou cenário de tragédia esta lá, ainda cheia.
 O delegado Cleber pascoal diz que as crianças não podem ser responsabilizadas por uma situação que poderia ser evitada com um pouco de cautela.

  

Nenhum comentário:

Postar um comentário