quarta-feira, 5 de setembro de 2012

PRESIDENTE DA CÂMARA AGRIDE VEREADOR

Após a agressão sofrida, o vereador Raimundo Cardoso registrou BO contra Rubemir Santos
No desespero eleitoral, vale tudo. Pelo menos foi o que deu para analisar, depois da falta de ética do presidente da Câmara Municipal de Aveiro, vereador Rubemir Santos, que agrediu seu colega do Legislativo. O caso aconteceu na terça-feira, dia 04, quando Rubemir Santos agrediu o vereador Raimundo Cardoso. O que causou surpresa é que a agressão não ficou impune, nem terminou em pizza, como sempre acontece nos mensalões da vida. Rubemir chegou escoltado do distrito de Fordlândia, por dois policiais militares, após ter agredido Raimundo Cardoso. Dois PMs fizeram valer a Lei e foram até Fordlândia para trazer escoltado Rubemir Cardoso.

Fatos: Segundo informações à equipe do jornal O Impacto na região, os dois vereadores se desentenderam, porque Rubemir, atual presidente da Casa de leis, quer a qualquer custo a cassação do prefeito Ranilson do Prado. Nossa reportagem conversou com os dois policiais que escoltaram o Vereador. Eles falaram que foram até Fordlândia para proteger a integridade física de Rubemir Pereira, que está se sentindo ameaçado.
Vale relembrar que o atual presidente da Câmara, Rubemir foi quem definiu a permanência de Ranilson do Prado na última eleição para presidente da Câmara de Aveiro, que na época a desavença Rubemir era contra o ex-presidente da Câmara, vereador Manoel Pereira de Oliveira (Sales).
Nos últimos meses o prefeito Ranilson do Prado vem sofrendo retaliações e perseguições ferrenhas por parte de alguns vereadores, com acusações sem fundamento, perseguição política pelo poder, para beneficiar candidatos e desestabilizar o atual governo que tem passado por dificuldades, mas que está trabalhando para manter seus compromissos com a população.
Depois de minuciosa investigação, descobrimos que quem começou a agressão contra o vereador Raimundo Cardoso foi o presidente da Câmara, Rubemir Santos e, somente após a agressão sofrida é que Raimundo Cardoso revidou, tanto é que Raimundo Cardoso registrou BO (Boletim de ocorrência ) na Delegacia de Polícia local, contra Rubemir Santos.
Reincidente: Vale ressaltar que o atual presidente da Câmara Municipal de Aveiro, Rubemir Santos, na semana passada agrediu com um soco na testa um eleitor. Lamentável fato acontecido na comunidade de Cauassu-ê-pá, deixando hematomas no pobre homem. Isso demonstra a falta de controle do Vereador que quer ganhar eleição na marra e tenta a todo custo desestabilizar o Governo do jovem prefeito Ranilson do Prado.
O comando Tático da PM estava em Aveiro com mais 12 policiais, a situação de perseguição política contra o atual gestor esta incontrolável.
Vale relembrar que um dos maiores causadores deste tumulto em Aveiro é a coordenação local do SINTEPP, que está usando de artifícios politiqueiros para derrubar o atual Prefeito.
Por: Carlos Cruze o impacto

Um comentário:

  1. Caro Diego Mota; Quando eu vejo uma reportagem dessas, o sentimento é de Indignação, é simplesmente RIDÍCULO o que voce esta reproduinho no seu Blog. Esse Pseudorepórter Carlos do Impacto, deveria ser mais homem e deixar de postar Mentiras em seu jornal, pois o que ele escreve é totalmente o contrario do que aconteceu. Não estou aqui defendendo A ou B, mas estou do lado dos meus amigos, conterraneos de Aveiro e Fordlandia, que estão ha 03 Meses sem receber seus Salarios, isso mesmo Diego os professores estão ha 03 meses sem salarios e esse cidadão vem falar que o SINTEPP esta usando artificios Politiqueiros??? deixa o Impacto, ou seu emporegador ficar sem lhe pagar 03 meses de salarios pra ele sentir na pele o que estão passando esses pais de familia. Existem videos na internet onde mostram o Vereador Raimundo Cardoso arrancando documentos da mão de Rubemir e rasgando os papeis e depois agredindo Rubemir, inclusive lhe rasgando a Camisa... isso é Ridiculo, pelo teor da reportagem percebe-se claramente a tendencia em defender o que esta errado, e jogar a opinião publica contra aqueles que defendem seus direitos. O Dinheiro da Prefeitura de Aveiro esta Comprando a "dignidade barata" desses jornalistas de fundo de quintal.

    EMerson

    ResponderExcluir