terça-feira, 16 de outubro de 2012

Vereadora Maria Pretinha pode perder sua vaga na Câmara Municipal.

A situação da Vereadora Maria Pretinha do “PSDB” não esta nada fácil e pode se complicar mais ainda.
Tudo porque o partido que a vereadora faz parte estuda a possibilidade de abrir um processo interno para analisar o comportamento da parlamentar no ultimo processo eleitoral, ela é acusada de pedir votos para o candidato Valmir Clímaco e não para a Eliene de sua coligação. As especulações dentro do “PSDB” são muito fortes sobre a abertura do processo, caso o processo seja aberto e a vereadora perder o mandato, quem assumira seu lugar será o advogado David Salomão que é o primeiro suplente.

 A postura da vereadora Maria Pretinha nessas eleições já vinha sendo discutida desde o inicio da campanha, quando a vereadora não sabia de que lado ficar, se não apoiasse Valmir poderia perder seus dezenas de assessores fixados na prefeitura e todos seus benefícios conseguidos na administração, caso perdesse tudo isso corria o grande risco de não se reeleger, mas também temia não apoiar Eliene que fazia parte da sua coligação, além disso, o vice de Eliene vereador Dico ser do “PSDB” partido da vereadora, porque se Eliene fosse eleita poderia perder a maioria de seus assessores; Maria Pretinha não achou outra solução a não ser ficar em cima do muro. Maria Pretinha chegou a levar uma boa chamada de seu padrinho maior padrinho político, o Deputado Estadual José Megalle porá que a vereadora pedisse voto para Eliene.
Mas essa postura da vereadora pode lhe custar caro, ou seja, muita caro, a vereadora pode perder seu mandado por infidelidade partidária, caso o “PSDB” abra o processo contra ela. Mas se isso não acontecer à situação da vereadora não será muito fácil no governo de Eliene Nunes, todos sabem que a vereadora mantém dezenas assessores na prefeitura, principalmente na garagem, segundo informações Eliene não ira fazer acordos com os vereadores em troca de votos para aprovação de projetos em beneficio da comunidade.
Texto: J. Parente e Jr. Ribeiro...

Nenhum comentário:

Postar um comentário