sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Polícia procura empresário assassino de Itaituba

Willame “Babica” fugiu após assassinar Antônio “Mudo”
Willame “Babica” fugiu após assassinar Antônio “Mudo”O impacto - A Polícia Civil de Itaituba, no Oeste do Pará, sob o comando do Delegado/Superintendente Edinaldo Silva de Sousa, está à procura do empresário Willame Rebouças de Oliveira, de 25 anos, conhecido por ‘Babica’, proprietário da loja ‘Stop Car’. Ele é acusado de ser o autor dos disparos de arma de fogo, tipo revólver, que ceifaram a vida do cidadão Antonio Geraldo Gomes do Lago, conhecido por ‘Mudo’, que era proprietário do ‘Posto de Lavagem AG’, localizado na Rodovia Transamazônica, cidade alta, em Itaituba.

Willame Rebouças de Oliveira – ‘Babica’
O crime foi praticado por volta das 13:00 horas do último dia 15, no próprio estabelecimento comercial da vítima, e o acusado empreendeu fuga logo em seguida em seu veículo GM/Celta, cor preta, placa OFU-2709, que foi abandonado no Km 9 da Rodovia Transamazônica, e já foi apreendido pela Polícia Civil. No interior do veículo, os policiais apreenderam um coldre, que seria da arma usada por ‘Babica’ que, desde então, encontra-se foragido e em lugar incerto e não sabido.
O motivo do crime, segundo a Polícia, seria uma dívida de R$ 300,00 que ‘Babica’ teria contraído no estabelecimento de ‘Mudo’ há seis meses e não teria gostado de ser cobrado.
Segundo informações policiais, na manhã do dia 15, ‘Mudo’ teria mandado seus dois filhos cobrar ‘Babica’ em seu estabelecimento comercial, mas este não se encontrava e os filhos de ‘Mudo’ falaram somente com o seu gerente, para quem teriam feito uma proposta de compensação da dívida, o que não teria sido aceita pelo gerente, que teria ligado para o patrão narrando o ocorrido.
Os filhos de ‘Mudo’ teriam retornado para o estabelecimento do pai e contado a negativa do pagamento da dívida, o que teria magoado a vítima, que teria ido com seu carro até à frente do estabelecimento do acusado e ali praticado alguns danos.
Ao tomar conhecimento dos atos praticados por ‘Mudo’, ‘Babica’ teria se armado com um revólver e foi em seu veículo até o lava jato de ‘Mudo’, onde atirou por quatro vezes na vítima, que teve morte no local. A arma do crime seria um revólver calibre 38, inoxidável.
Após o crime, ‘Babica’ fugiu do local em seu veículo, abandonando-o no km 9 da Rodovia Transamazônica, onde foi apreendido pela Polícia. O acusado tomou rumo ignorado e se encontra em lugar incerto e não sabido.
O fato gerou grande comoção e revolta popular na cidade, pois a vítima era uma pessoa trabalhadora e muito conhecida na cidade pepita.
Após a Polícia Civil tomar conhecimento do crime, investigadores da 19ª Seccional Urbana diligenciaram ao local do delito, onde identificaram o autor dos disparos e depois empreenderam diligências na tentativa de localizar e prender, ainda em situação de flagrante, o acusado, mas não obtiveram êxito.
No mesmo dia foi instaurado um inquérito policial, sob a presidência do delegado Antonio Carlos Correa da Silva, para apurar as circunstâncias do crime, onde já foram ouvidas testemunhas e realizadas outras diligências pertinentes, inclusive a qualificação do acusado, que ainda está foragido, mas o delegado Antonio Carlos deverá requerer sua prisão preventiva.
O crime teve conotação de revolta por parte da população, visto que a vítima era uma pessoa popular naquela cidade pepita. Com informações da Polícia Civil.
Por: Nazareno Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário