Na segunda-feira (12) passada, o blogueiro Valdecir Mecca recebeu uma notificação do Ministério Público Estadual (MPE) que determinava o fechamento do blog de notícias Uruará em Foco "até que se adeque às normas previstas no artigo 5, IV, da Constituição Federal”. O blog é popular, especialmente entre público gerador de informações.
O ofício, de número 107/12 é assinado pelo promotor Arlindo Jorge Cabral Júnior, da Promotoria de Justiça do município de Uruará. No documento, ele determina que o proprietário do blog “proceda o fechamento do mesmo até que adeque as medidas determinadas por este ente ministerial".
O Ministério Público Federal recebeu na manhã desta quarta-feira (14) uma representação assinada por 116 organizações e entidades da sociedade civil pedindo investigação sobre a atuação da Polícia Federal na aldeia Teles Pires, dos índios Munduruku, na divisa dos estados do Pará e Mato Grosso, na semana passada. Durante a operação, dois policiais e seis indígenas ficaram feridos e Adenilson Kirixi Munduruku foi assassinado com três tiros. O documento traz um relato dos indígenas sobre o que ocorreu no dia 07 de novembro deste ano.
Hilton Aguiar falou que operação da PF foi desatrosa e irresponsável
Em discurso realizado na terça-feira (13), no plenário da Assembléia Legislativa do Pará – ALEPA, o deputado estadual Hilton Aguiar lamentou os desastrosos e inconsequentes resultados da Operação Eldorado, realizada pela Polícia Federal, na região do Alto Tapajós, na semana passada e que foi destaque na imprensa nacional e internacional.
Há duas semanas o Deputado realizou um discurso no plenário da ALEPA, onde cobrou um mutirão de trabalho para identificar os bens intencionados e punir aqueles que querem apenas tirar vantagens das riquezas da região, infelizmente nenhuma atitude foi tomada e aconteceu esse lamentável episódio, que deixou índios e policiais federais feridos e uma vítima fatal.
Jhonatan foi assassinado pelo “Falso Amigo” no Distrito de Crepurizão
Mais um crime com requintes de crueldade foi registrado na região garimpeira de Itaituba, no Oeste do Estado. Dessa vez o crime aconteceu por volta das 13 horas de terça-feira, 13, no garimpo São Raimundo, na Pista do Planada, a 20 minutos de avião do Distrito do Crepurizão, distante 400 km de Itaituba.
A vítima foi o garimpeiro Jhonatan da Silva Mendes, de 25 anos, natural de Santa Inês- MA. Segundo informações da família, Jhonatan da Silva trabalhava há vários anos na região garimpeira de Itaituba, e em suas andanças conheceu o também garimpeiro identificado apenas por “Jack”. Jhonatan e Jack trabalharam juntos em alguns garimpos, mas depois de algum tempo cada um foi trabalhar em local diferente.