quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Polícia procura assaltantes de banco de Uruará

Assalto deixou população de Uruará assustada
(Foto: Valdeci Mecca/Arquivo pessoal)
Assalto em Uruará - 1  (Foto: Valdeci Mecca/VC no G1) Mais de 40 homens das polícias civil e militar continuam as buscas pelos bandidos quie assaltaram uma agência do Banco do Brasil em Uruará, no sudoeste do Pará. O crime ocorreu na última terça-feira (5), e os assaltantes fugiram por uma estrada vicinal após fazerem 12 reféns.
A polícia concentra as buscas na estrada vicinal onde os reféns foram liberados. No local, foram encontrados veículos utilizados pela quadrilha durante a fuga, que foram abandonados pelos suspeitos após terem atolado na estrada. A polícia trabalha com a hipótese de que os bandidos estão perdidos na mata, e por isso intensificou a procura no local. Até o momento nenhum suspeito foi preso.

Investigações

Segundo o delegado Nilson Santos, do núcleo de apoio de investigações de Santarém, a polícia irá analisar imagens do circuito interno do banco para tentar identificar os suspeitos. Nesta qinta-feira (7), três dos 12 reféns devem ser ouvidos pela polícia hoje, como parte do inquérito que apura o ocorrido.

Entenda o caso
Na última terça-feira um grupo de pelo menos cinco homens assaltou uma agência do Banco do Brasil em Uruará, no sudoeste do estado. A quadrilha utilizava armamento de uso exclusivo das forças armadas, e fez um grupo de clientes do banco como reféns. Após a chegada da polícia houve troca de tiros, mas os bandidos conseguiram fugir por uma estrada vicinal.

  g1.globo.com/para

Nenhum comentário:

Postar um comentário