quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Nélio quer UTI aérea e ampliação do “Luz para todos” na região Oeste

Nélio Aguiar
Nélio AguiarJá está em fase final de contratação pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) o serviço de UTI Aérea, que terá como base o município de Santarém, mas que atenderá as regiões de saúde do Baixo Amazonas, rio Tapajós e Xingú. A solicitação é resultado de moção do deputado Nélio Aguiar (DEM) de junho deste ano, que fora encaminhada ao governador Simão Jatene após aprovação da Assembléia Legislativa do Estado do Pará (Alepa). O processo de contratação do serviço, que já foi autorizado pelo Governo do Estado, agora está na Sespa para finalização do mesmo.

LUZ PARA TODOS: Outra conquista do mandato do deputado Nélio (DEM) é a retomada do Programa Luz para Todos no Oeste do Pará. Segundo resposta da Rede Celpa à oficio do parlamentar, a empresa está executando as obras do contrato para a região do Belo Monte, no qual mais de 21 domicílios de Altamira, Vitória do Xingú, Anapú, Senador José Porfírio, Pacajá, Uruará, Brasil Novo, Porto de Moz, Medicilândia e Placas deverão ser atendidos até o final de 2014. A Celpa está em fase de aquisição de material para execução das obras do contrato da 4ª etapa dos municípios de Monte Alegre, Santarém e Itaituba.
NÉLIO QUER INCLUIR TIPO SANGUÍNEO NA CNH E NA IDENTIDADE: O deputado Nélio Aguiar (DEM) deu entrada na quarta-feira (16), a projeto de Lei na Assembleia Legislativa do Estado do Pará  (Alepa) que obriga o órgão estadual de identificação, responsável pela emissão da carteira de identidade, e o Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran) a incluir, no campo ‘observações”, da carteira de identidade e na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), respectivamente, a tipagem sanguínea e do fator Rh do cidadão.
O projeto do parlamentar detalha que é de grande importância para o cidadão ter conhecimento e em mãos o tipo sanguíneo. “E o melhor lugar é na da Carteira Nacional de Habilitação e Carteira de Identidade, pois a inclusão da tipagem sanguínea irá permitir ao cidadão a rápida e fácil localização de dado tão importante para a vida, principalmente nas crescentes emergências que envolvem os inúmeros acidentes em que há necessidade do conhecimento preciso e imediato”, disse.
Fonte: RG 15/O Impacto e Kátia Aguiar

Nenhum comentário:

Postar um comentário