Del. Alexandro Napoleão
Uma investigação de crime de homicídio resultou nas prisões em flagrante de três pessoas, na apreensão de duas armas de fogo e nove munições, em Trairão, oeste do Pará. A operação, denominada "Barba Negra", foi realizada na terça-feira, 12, por policiais civis da Seccional Urbana de Itaituba como resultado das decretações de seis mandados de busca e apreensão domiciliar expedidos pelo Poder Judiciário.
As investigações conduzidas pelo delegado Alexandro Sant'Ana apontaram os suspeitos da autoria do homicídio qualificado praticado contra Antônio André Feline, que era conhecido como “Gauchão Barbudo”. 

COMISSÃO DENUNCIA CORRUPÇÃO E FACILITAÇÃO DE FUGA
Em matéria publicada na edição do Jornal o liberal de 13 de Março (quarta feira) a Comissão dos direitos Humanos , da Alepa que esteve em Itaituba ouvindo presos e familiares dos presos em Itaituba, afirmou que de fato houve sim tortura, onde os presos apanharam de cassetetes, porque foram vistas pelos deputados marcas visíveis nas costas dos detentos.


 Pelo que foi levantado in loco, a Comissão afirma também que a fuga dos setes presos foi facilitada. A denuncia foi feita diretamente pelo deputado Carlos Bordalo(PT).

 A ministra Luciana Lóssio, do Tribunal Superior Eleitoral, decidiu não dar provimento ao recurso do ex-vereador Luiz Fernando Sadeck dos Santos (Peninha).
Em decisão monocrática, a relatora do processo que envolve o ex-vereador itaitubense confirmou o resultado do julgamento feito pelo Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE), mantendo a cassação do registro de candidatura de Peninha, referente à eleição de 2012.

“Decisão Monocrática em 15/03/2013 - RESPE Nº 40785 Ministra LUCIANA LÓSSIO


Trata-se de recurso especial eleitoral interposto por Luiz Fernando Sadeck dos Santos contra acórdão do Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE/PA) que, mantendo sentença, indeferiu o seu registro de candidatura ao cargo de vereador do Município de Itaituba/PA, nas eleições de 2012”.