sexta-feira, 25 de abril de 2014

Família espera corpo de vítima para enterro

“A situação está muito difícil. A família está abatida e apreensiva logo para receber o corpo e acabar com esse sofrimento”. A declaração emocionada é de Clemilda Pinto, tia da técnica de enfermagem Luciney Aguiar de Sousa, uma das cinco vítimas do acidente com o avião bimotor em Jacareacanga, sudoeste paraense.

Ela conta que a notícia da localização do avião, na última terça-feira (22), reacendeu a esperança para que Luciney ainda pudesse ser encontrada com vida. “Mas sabíamos que com uma notícia boa viria também uma ruim, que foi não ter nenhum sobrevivente”.


Segundo Clemilda, os pais de Luciney estão bastante abalados e aguardam a retirada dos corpos do local do acidente para poder enterrar a vítima. Ela deve ser enterrada em Santarém, onde nasceu.



Família está apreensiva pela chegada do corpo de Luciney (Foto: Reprodução/Facebook)

Familiares da jovem estão em Itaituba e em Jacareacanga para acompanhar o resgate do corpos e a identificação.

Nesta sexta-feira (25), dois corpos foram visualizados na aeronave, porém, a equipe de resgates preferiu não removê-los. A retirada dos corpos deve ser feita na manhã deste sábado (26). Não há informações sobre o sexo das vítimas encontradas.

Segundo a assessoria de comunicação da Força Aérea Brasileira (FAB), os corpos serão levados para o Instituto Médico-Legal (IML) de Itaituba para reconhecimento.

Além do resgate, uma equipe do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) está no local para investigar as causas do acidente.

(Antonio Santos/DOL)

Nenhum comentário:

Postar um comentário