quarta-feira, 2 de abril de 2014

Itaituba: Operação "Límpidos" coloca traficantes atrás das grades



36 policiais participaram da operação batizada de Límpidos que prendeu 13 pessoas envolvidas com o trafico de drogas no município de Itaituba. Ao todo foram cumpridos 9 mandados de prisão determinadas pelo poder judiciário. O trabalho foi executado simultaneamente em vários pontos da cidade identificados como prováveis bocas de fumo.


 Na 29ª rua a policia prendeu três pessoas, no local funcionava um loja de consertos de motos de fachada, mas o principal produto era o entorpecente. O proprietário alegue que era apenas usuário. A versão de Djalma Vieira foi desmentida pelo delegado que comandou a operação e flagrou a presença de drogas. Numa outra casa na 25ª rua do bairro bom remédio, três pessoas foram presas, uma moto e outros objetos também foram levados. O proprietário da casa também negou as acusações. Um grande aparato policial foi destacado para operação. No bairro do liberdade mais três pessoas presas em uma residência na terceira travessa. No local policia  encontrou indícios de trafico de drogas.   

 Todos os envolvidos foram conduzidos a delegacia de policia onde o resultado da operação foi divulgado. A policia realizou varias incursões na tentativa de prender mais traficantes, o trabalho realizado na tarde da quarta feira reuniu um grande numero de curiosos. Ao todo 13 pessoas foram presas, entre elas três mulheres. Uma grande quantidade de drogas foi aprendida. Também foi encontrado dinheiro, celulares e objetos eletrônicos. Os presos na operação alegaram ser apenas usuários de drogas, na tentativa de se livrar da condição de traficante.

 A apresentação do grupo de traficantes foi feita com orgulho pelos policiais envolvidos no trabalho. O superintendente da policia civil e o comandante da policia militar falaram sobre o trabalho que tirou de circulação um grande numero de traficantes. De acordo com Jardel Guimarães as prisão são resultados de um trabalho de inteligência interligado entre os agentes de segurança publica da região. A proposta é que este tipo de operação se repita para dar resposta ao aumento de consumo de drogas na cidade.

 Os presos devem ser encaminhados a cadeia publica pelo crime de trafico de drogas e aguardarão decisão judicial. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário