Itaituba; SINTEPP ganha causa milionária na justiça do trabalho

De acordo com a coordenação do SINTEPP a ação contra o município foi dada entrada no ano de 2006. O sindicato cobra direito a recursos do extinto FUNDEF que não foram repassado a  categoria entre 2001 e 2006. Segundo Celso Noronha cada professor teria direito a um valor de em media 40 mil reais. A sentença da justiça do trabalho obriga o município a pagar corrigidos os valores de abono que não foram repassados aos profissionais do magistério.  A decisão ainda é de primeira instancia e demorou para ser pronunciada.
Mesmo assim a coordenação do SINTEPP esta otimista e acredita que a sentença além de ser uma valorização dos trabalhadores servirá para que os administradores públicos respeitem os direitos dos servidores. Mais de 500 professores tem direito a indenização. 

0 comentários:

Postar um comentário