36 policiais participaram da operação batizada de Límpidos que prendeu 13 pessoas envolvidas com o trafico de drogas no município de Itaituba. Ao todo foram cumpridos 9 mandados de prisão determinadas pelo poder judiciário. O trabalho foi executado simultaneamente em vários pontos da cidade identificados como prováveis bocas de fumo.


 Na 29ª rua a policia prendeu três pessoas, no local funcionava um loja de consertos de motos de fachada, mas o principal produto era o entorpecente. O proprietário alegue que era apenas usuário. A versão de Djalma Vieira foi desmentida pelo delegado que comandou a operação e flagrou a presença de drogas. Numa outra casa na 25ª rua do bairro bom remédio, três pessoas foram presas, uma moto e outros objetos também foram levados. O proprietário da casa também negou as acusações. Um grande aparato policial foi destacado para operação. No bairro do liberdade mais três pessoas presas em uma residência na terceira travessa. No local policia  encontrou indícios de trafico de drogas.   


Varias pessoas foram as ruas nesta quarta-feira pedir mais empenho das autoridades para localizar o avião desaparecido no mês passado as proximidades quando voava com destino a Jacareacanga, levando equipe de enfermagem do DSEI-TAPAJÓS. Uma grande caminhada saiu da barraca de eventos da orla e seguiu por varias ruas mostrando a insatisfação de todos, pois já fazem duas semanas do ocorrido e não há informações sobre o paradeiro das vitimas do acidente. A mobilização surgiu por iniciativa de parentes, amigos e autoridades que acompanham dia após dia o sofrimento provocado pelo desaparecimento de cinco pessoas que viajavam na aeronave.   

  Muitos parentes das cinco pessoas que estavam no avião da Jotan taxe aéreo participaram do manifesto que pedia apoio das autoridades. A Irma de uma das técnicas de enfermagem contou que as ultimas semanas tem sido de muito sofrimento.
Conversamos hoje com o garimpeiro Pedro Moura alega que viu o exato momento da pane da aeronave da Jotan taxe aéreo. Segundo ele era por volta do meio dia quanto à equipe de 8 garimpeiros trabalhavam no garimpo de Pindobal, que fica a 80 quilômetros de Jacareacanga,  eles teriam avistado uma aeronave que voava baixo e parecia estar caindo. O garimpeiro afirma ainda que a aeronave teria feito contorno e se direcionou para a outra margem do rio com destino a algumas pistas garimpeiras. Seu Pedro faz uma revelação importante, alega que as buscas estão sendo feitas no local errado, já que segundo o que eles viram o avião se dirigiu para uma região diferente da concentração das buscas. As informações do Garimpeiro foram repassadas as equipes de buscas em Jacareacanga.
 
Dejaci continua foragido
Os advogados se reuniram nesta terça na sede da OAB a procura de respostas para um caso que até agora esta sem solução. A morte de três mulheres no dia 22 de fevereiro ganhou grande destaque, mas ainda não teve conclusão por parte da policia. O delegado do caso pediu prorrogação para entrega do inquérito e também conseguiu na justiça a prisão do advogado Altair Santos por mais 30 dias. Até então a policia tem ele como provável mandante do crime.   No entanto, a grande duvida está nas causas da morte, situação que só poderá ser esclarecida como a prisão do executor das vitimas.  
 Existem muitas informações controversas quanto à localização de Dejaci Ferreira de Souza, a ultima delas é de que ele estaria em uma comunidade rural próximo a Itaituba chamada Cocalino e tentaria fuga com destino a Parintins-Amazonas.