estelionato1Foram presos pela PM ontem(07/12) José Gomes Almeida de 39 anos e Gilberto Gomes de 32 anos acusados de tentativa de estelionato.
Os dois moram no interior do município, na Comunidade São José e Comunidade Santa Julia respectivamente.
A dupla foi presa na tarde deste domingo  na Avenida Jamanxim por volta das 16:30 horas, com 38 notas falsas de R$ 100,00 (cem reais) totalizando o valor de R$ 3.800,00 (Três mil e oitocentos reais), os dois forma encaminhados para a Delegacia de Policia.
Motociclista Alessandro Santos Silva teve morte trágica. Veículo Hillux e a motocicleta ficaram completamente destruídos
Motociclista Alessandro Santos Silva teve morte trágica. Veículo Hillux e a motocicleta ficaram completamente destruídos
Mais um trágico aconteceu na região Oeste do Pará, para aumentar ainda mais a estatística do nosso violento trânsito.
Um acidente que aconteceu por volta de 19h15, de quarta-feira, 03, na rodovia Santarém/Cuiabá – Ramal Norte (BR 163), a cinco quilômetros do município de Rurópolis, Oeste do Pará, resultou na morte de duas pessoas. O acidente ocorreu no trecho entre Rurópolis e Santarém, envolvendo uma caminhonete modelo Hilux, cor cinza, placas OTZ-7114, conduzida por Antonio de Lima Lopes, 48 anos, e uma motocicleta de marca Honda, modelo CG cargo, cor branco, sem placas, conduzida por Alessandro Santos Silva de Almeida, 29 anos.
Bispo do Xingu participou de movimento em Itaituba, contra hidrelétricas no rio TapajósBispo do Xingu participou de movimento em Itaituba, contra hidrelétricas no rio Tapajós
Uma caravana de ambientalistas realizou um protesto, no último fim de semana, na Comunidade de São Luiz, no Município de Itaituba, Oeste do Pará, em defesa do rio Tapajós. Os ambientalistas são contra a construção de uma usina hidrelétrica na Cachoeira de São Luiz do Tapajós.
O ato público liderado pelo movimento “Tapajós Vivo”, reuniu mais de 1 mil pessoas de diversas localidades, assim como ambientalistas de outros países, como os Estados Unidos.
Participaram do protesto ativistas de Santarém, Altamira, Itaituba, Aveiro, das aldeias do alto e médio Tapajós e do rio Tapajós, além do Xingú e do Mato Grosso.