quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Operação da Polícia desarticula perigosa quadrilha de assaltantes

Cinco pessoas foram presas na operaçãoA 15ª RISP/TAPAJÓS deflagrou no município de Trairão, no Oeste do Pará, no último dia 11 de janeiro de 2015, a operação denominada “OPERAÇÃO COMBATE”, visando combater os delitos de roubo, homicídios, e tráfico de drogas. A ação integrada pelas polícias Civil e Militar foi coordenada pelo Superintendente Regional do Tapajós, delegado Jardel Luis Castro Guimarães e pelo Comandante do 15º BPM, TEN/Coronel Lacerda.


Operação foi comandada pelo superintendente Jardel Guimarães
Segundo o Superintendente Regional do Tapajós, a Operação contou com a participação de vários policiais civis da ÁREA INTEGRADA DE SEGURANÇA PÚBLICA (AISP) que compõem a regional, dentre Delegados, escrivães, investigadores e policiais militares do 15º BPM/ITB. Durante a Operação foram apreendidos objetos de crimes como armas, munições, 04 (quatro) motocicletas e 02 (dois) veículos.

A Ação contou com a participação operacional dos delegados José Bezerra, Titular da 19ª Seccional de Itaituba; João Milhomem, titular de Trairão; e Rafael Oliveira Ribeiro e Suelem de Cássia.
De acordo com delegado Jardel Guimarães, a Operação teve inicio com a prisão de três indivíduos no último sábado na comunidade conhecida como km 30, são eles: Fábio Venâncio de Oliveira, Robson Chaves Luvena e Bruno Marcos de Oliveira. Esses indivíduos vinham cometendo vários assaltos na Rodovia Transamazõnica e BR 163. Foi quando investigações chegaram ao restante da quadrilha que tinha como base a cidade do Trairão.

Armas, munição e dinheiro apreendidos em poder dos assaltantes
Armas, munição e dinheiro apreendidos em poder dos assaltantes

Várias motocicletas foram apreendidas na operação
Várias motocicletas foram apreendidas na operação
A OPERAÇÃO COMBATE teve um saldo positivo, onde se deram cumprimento a cinco mandados de Prisão Temporária e de Busca e Apreensão, expedidos pelo Juiz Criminal Dr. Claytoney Passos Ferreira, em locais que estavam sob investigação policial já algum tempo, face o índice alarmante de crimes contra o patrimônio, principalmente aos ônibus que fazem linha nas Rodovias da região. A ação contou com uma equipe de 44 policiais civis e militares, os quais conduziram os objetos apreendidos e os presos para a lavratura dos Autos de Prisões em Flagrantes na Seccional de Itaituba.
Os sujeitos ativos do crime foram autuados em flagrante delito e já estão à disposição da justiça.
Outras operações devem ser deflagradas no combate a redução da Criminalidade, nos mesmos moldes da realizada, seguindo diretrizes do Diretor de Polícia do Interior, Delegado João Bosco Rodrigues e do Delegado Geral, Dr. Rilmar Firmino de Sousa.
Fonte: RG 15/O Impacto

Nenhum comentário:

Postar um comentário