quarta-feira, 22 de abril de 2015

Padrasto principal suspeito de matar enteada nega envolvimento




Vizinhos afirmam ter ouvido discussões vindas do interior da casa , envolvendo o padrasto e enteada.
A polícia continua as investigações sobre o crime ocorrido no bairro da pedreira, onde a Jovem Antônia Claudiane foi encontrada morta pendurada em uma arvore.

Antonia Claudiane de Souza Silva de 13 anos.

De acordo com a Policia Civil de Novo Progresso, há suspeitas de que Claudiane , de 13 anos , foi assassinada pelo padrasto, Aguinaldo Pereira da Silva .

O suspeito, que nega o envolvimento no crime , foi preso antes da família encontrar o corpo, posteriormente transferido para o presidio de Itaituba por medida de segurança.

Populares acreditam que o padrasto Aguinaldo Pereira da Silva , realmente é o criminoso, por relatos de convivência familiar, o mesmo declara ciúmes e coordenava o dia dia da enteada, testemunhas comentam que a jovem estava disposta a ir morra com o pai em outra cidade, a mãe pede para que investigue o caso , não acredita seja ele o esposo o criminoso, a policia investiga a possibilidade de uma outra pessoa na cena do crime.

O delegado responsável pelo caso , afirma que, em depoimento, o suspeito entrou em contradição. A policia pediu a prisão preventiva do acusado, e aguarda a pericia que deve sair nos próximos 10 dias.

Aguinaldo Pereira da Silva (padrasto) foi autuado em flagrante, depoimento dos vizinhos e amigos afirmam que ouviram discussões vindas do interior da casa e relataram o envolvimento com ciúmes da enteada.

A marcas de luta durante o crime , tipo, carne em baixo das unhas da adolescente, no local também foi encontrado preservativos, bebida alcolica e reziduos de droga, a jovem estava enforcada, não se sabe ainda se foi morta antes. No entanto, o delegado ressalta que apenas o laudo pericial pode apontar a causa da morte. O caso é investigado pela Delegacia de Policia Civil de Novo Progresso e a pericia pelo IML de Itaituba.

A população ficou chocada com o caso de brutalidade e clama por justiça.
fonte: folha do progresso 

Nenhum comentário:

Postar um comentário