O assessor do vereador Josineto Feitosa de Oliveira (SDD), ex-presidente da Câmara Municipal de Parauapebas, foi preso nesta sexta-feira (3), em Belém. O assessor Herbert Matias de Gomes estava foragido desde a última quarta-feira (1º), quando Josineto foi detido em casa suspeito de fraudar licitações. Herbert se apresentou na sede do Ministério Público, também suspeito de integrar o esquema de fraudes.
As prisões fazem parte da Operação Filisteus, iniciada em maio. Já estão na cadeia os vereadores Josineto Feitosa (SDD), José Arenes (PT), e Odilon Rocha (SDD), que causou polêmica ao declarar em sessão na Câmara Municipal que "sem corrupção,