Estão suspensos, a partir desta segunda-feira (24), todos os processos para emissão de primeira carteira nacional de habilitação (CNH) que estão em curso e que tenham origem com pedido de transferência de jurisdição. A medida foi publicada no Diário Oficial do Estado, em portaria assinada pelo diretor-geral do órgão, Nilton Atayde. Conforme a portaria, a determinação do Detran tomou com base as investigações realizadas durante a 'Operação Galezia' deflagrada  pela Polícia Civil, no último dia 20, quando foram presas 10 pessoas e cumpridos 42 mandados de busca e apreensão no Pará e no Estado de Tocantins, por envolvimento em esquema de fraudes na obtenção da carteira de habilitação por meio de processos de transferência de jurisdição. 
A Polícia Federal e o Ministério Público Federal (MPF) divulgaram na tarde desta segunda-feira (24), um balanço atualizado das prisões realizadas durante a operação “Madeira Limpa”, que combate uma organização criminosa de comércio ilegal de madeira. Segundo a PF, dos 23 mandados de prisão, até o fim da tarde, 21 tinham sido cumpridos, uma pessoa estava foragido e outra deveria se apresentar espontaneamente.
O esquema envolvia empresários do ramo madeireiro e servidores públicos municipais, estaduais e federais de vários municípios do Pará, de Manaus (AM) e de Florianópolis (SC).


Vinte pessoas já foram presas na operação 'Madeira Limpa', da Polícia Federal, em parceria com o Ministério Público Federal, com objetivo de desarticular uma quadrilha especializada em comércio ilegal de madeira em Belém e interior do estado. As prisões foram realizadas em Belém e Santarém, cumprindo mandados de prisão expedidos pela justiça. Os nomes dos acusados não foram divulgados. Todo o material apreendido já foi encaminhado para a sede da Polícia Federal. A PF não consegiu localizar dois acusados de participar dos esquemas. 
OPERAÇÃO TEVE AÇÕES EM ITAITUBA - A Polícia Federal (PF) iniciou na manhã desta segunda-feira (24) a operação "Madeira Limpa", com o objetivo de desarticular uma organização criminosa que atua no comércio ilegal de madeira em Belém e no interior do Pará.
Segundo a PF, a atuação da quadrilha tem como característica a influência de servidores públicos mediante o pagamento de vantagens indevidas. A previsão do órgão é cumprir 22 mandados de prisão preventiva, um de prisão temporária, 41 mandados de busca e apreensão, além de 10 mandados de condução coercitiva, que é a condução de pessoas que não compareceram à delegacia mediante intimação.
O jovem Mateus Kalleb Furtado foi esfaqueado de maneira violenta com golpes de faca. O crime aconteceu em praça pública,no bairro Liberdade. A vítima ainda foi socorrida, mas, não resistiu aos ferimentos profundos e morreu no hospital municipal de Itaituba.  A polícia está à procura do suspeito identificado pelo apelido de peitão da liberdade, jovem conhecido no mundo do crime com extensa ficha policial.  
O acidente aconteceu a cerca de um quilometro do porto da balsa na rodovia transamazônica, com destino a campo verde. O motorista da caminhonete onde estavam seis pessoas perdeu o controle e caiu em uma vala. O local é um desvio feito pelo BEC em razão de um desmoronamento. Das pessoas que estavam no carro apenas uma morreu e outras ficaram feridas. O veiculo ficou por cima do corpo de um homem, ainda não identificado que morreu na hora. Ele estaria na carroceria do veiculo.
O corpo de vitima foi retirado do local cerca de duas horas após o acidente por uma equipe do instituto medico legal. Como não estava com documento e não houve nenhuma parente no local, a identidade não foi oficialmente revelada. De acordo com a polícia a poeira e as péssimas condições do perímetro teriam contribuído para o acidente.
Pablo Genuíno - RurópolisDeu na coluna Holofotes, do jornal Tapajós Agora, edição 64, nas bancas a partir de hoje (22):
Pablo Genuíno (foto), prefeito de Rurópolis, pode deixar o PSDB, pelo qual foi eleito em 2012, e assinar a ficha de filiação do PMDB.

Essa costura política está sendo feita pelo deputado estadual peemedebista Eraldo Pimenta, ex-prefeito de Uruará.
Na eleição do ano passado, Pablo e Eraldo fizeram dobradinha no município que rendeu muitos votos para o parlamentar.
do blog do jeso 


As prefeituras paraenses começaram a receber ontem (20) o montante de R$ 20.765.266,60 do Fundo de Participação de Municípios (FPM). O valor corresponde ao segundo decêndio do mês de agosto deste ano e chega a ser 0,72% superior ao valor pago no mesmo período do ano passado. Em agosto de 2014, o segundo decêndio do FPM pago aos municípios do Pará, em valores brutos, foi de R$ 20.615.076,34 - uma diferença de R$ 150.190,26 entre os dois prazos. Os cálculos são da área de Estudos Técnicos da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) e levam em conta a inflação do período.
MPE moveu Ação contra Jatene e Helenilson por abandono da Escola São José
MPE moveu Ação contra Jatene e Helenilson por abandono da Escola São José
O cenário atual de abandono da educação pública no Estado do Pará levou o Ministério Público Estadual (MPE) a impetrar processo administrativo contra o governador do Estado, Simão Jatene (PSDB). Um dos casos de abandono da educação, que chocou a sociedade paraense, aconteceu na tarde do dia 27 de março de 2015, quando os alunos da turma 102 da Escola São José, em Óbidos, não terminaram a aula de Matemática: uma parte do teto da sala desabou. Durante a correria para sair, uma aluna desmaiou e os que estavam no pavilhão superior, logo acima, sentiram, literalmente, o chão se abrir.
Doze pessoas foram presas neste sábado (22), suspeitas de fazer parte de um esquema que invadia o sistema de comercialização e transporte de produtos florestais da Secretaria de Meio Ambiente, o Sisflora. De acordo com a Polícia Civil do Pará, os suspeitos teriam identificado, com a ajuda de especialistas em sistema de segurança na internet, as senhas do superintendente do Ibama em Brasília, Rio Grande do Sul e do Pará.
Com as senhas, eles tiveram acesso aos créditos florestais de 23 empresas que já tinham sido bloqueadas no Sisflora. "Grande parte dessas empresas não tinham base física, outra parte tinham créditos florestais fraudulentos.
A Polícia Civil prendeu neste sábado (22) em Santarém, oeste do Pará, um homem suspeito de integrar uma quadrilha envolvida em fraudes ambientais. De acordo com a polícia, a organização criminosa movimentou pouco mais de R$ 10 milhões com a venda de madeira extraída ilegalmente. Outras pessoas foram presas em Belém, em cidades do interior do Pará, além dos estados de Alagoas e Maranhão.
O suspeito preso em Santarém trabalha com a compra e venda de madeira na cidade. A prisão aconteceu em cumprimento de mandados de busca, apreensão e prisão preventiva, dentro da operação “Amazônia Legal”, realizada pela Polícia Civil e Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas).


Por muita sorte o jovem Anderson Araujo de Castro, 25 anos, não foi morto pelo já conhecido do meio policial, Jessé de Souza Machado, 22 anos. O agressor tentou matar a vítima com uma faca, chegada a quebra-la em três pedaços. Graças a ajuda de amigos que agiram rápido Anderson se salvou. Com uma lesão no pescoço ele compareceu à delegacia para fazer a ocorrência. 
≤≥ Blog RPI
Por volta da 20 horas de 22/08, foi preso pela Polícia Militar o senhor Francisco de Assis Moraes de Souza, 41 anos, morador do bairro da Liberdade, acusado de abusar sexual de um garoto de onze anos de idade. Segundo uma tia do garoto ela teria visto o acusado sem roupa na num terreno baldio de onde teria saído a criança ao perceber sua aproximação. Ainda segundo relatos de familiares, o garoto teria afirmado já ter sido abusado por Francisco em outra ocasião. Segundo informado o garoto seria conhecido do acusado em função deste morar em uma casa onde tem também uma criança que tem necessidades especiais.

≤≥ Blog RPI