Os acadêmicos que se inscreveram para concorrer a uma bolsa de estudo popular oferecida pela prefeitura do município já foram selecionados pela secretaria municipal de educação - SEMED. A lista completa com os nomes dos aprovados será divulgada até o final desta semana.
Ao todo foram 87 acadêmicos que se inscreveram para concorrer 45 bolsas em vários cursos, 15 delas são integrais e as demais parciais. A comissão de seleção do processo criada pelo município para realizar a seleção já fez todos os procedimentos de escolha dos estudantes, o critério principal é  não ter condições de pagar a faculdade além de cumprir outros requisitos. 
O Ministério Público emitiu recomendação conjunta à Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Estado do Pará (Semas), relacionada à concessão de licenças prévias de instalação e operação dos terminais portuários previstos para o distrito de Miritituba, município de Itaituba, nas margens do rio Tapajós.
O Ministério Público Federal (MPF) e o Ministério Público do Pará (MPE) recomendam a suspensão das licenças já concedidas, diante da ausência de apresentação e aprovação da Avaliação Ambiental Integrada (AAI) e Estratégica (AAE).
Terminou por volta das 17:30 horas desta segunda-feira (21) a apuração da disputa dos botos Cor de Rosa e Tucuxi, no Festival do Sairé, em Santarém. O Boto Tucuxi foi o grande campeão, com 475 pontos, contra 456 obtidos pelo Boto Cor de Rosa, uma diferença de 19 pontos.
As apresentação dos botos Cor de Rosa e Tucuxi simbolizaram o lado profano da maior manifestação cultural do Estado do Pará. Três jurados avaliaram 17 itens, atribuindo notas de 7 a 10.

Até esta tarde de segunda-feira (24), 21 mandadsos de prisão tinham sido cumpridos (Foto: Andressa Azevedo/G1)O Ministério Público Federal (MPF) encaminhou à Justiça denúncias contra 30 acusados de participação na quadrilha de extração e comércio ilegal de madeira desbaratada pela operação Madeira Limpa, realizada em agosto em vários municípios do Pará, em Manaus (AM) e Florianópolis (SC). As denúncias contra cada um dos três núcleos formadores da quadrilha foram enviadas à Justiça Federal em Santarém, oeste do Pará, no dia 15 de setembro.