PROCON e corpo de bombeiros reuniram nesta quarta-feira com fornecedores de gás de cozinha para encontrar uma solução referente as revendas clandestinas da cidade.
A reunião aconteceu no auditório da seccional de policia. Estavam presentes donos das principais bandeiras de revenda de gás no município. São eles que fornecem os produtos para diversos estabelecimentos comerciais dos bairros periféricos. Só que as autoridades estão querendo por fim a esta atividade feita de maneira clandestina, já que segundo o corpo de bombeiros o armazenamento e manuseio das botijas sem o devido cuidado pode representar perigo a população.
Prefeitos presentes ontem à 4ª edição do Diálogo Municipalista definiram como muito grave a situação dos municípios brasileiros em tempos de crise. O evento é realizado no Hotel Sagres, em Belém, pela Confederação Nacional de Municípios (CNM), para capacitar gestores e servidores municipais para lidar com as dificuldades da administração pública. 
A falta de dinheiro nas prefeituras para cumprir compromissos e garantir investimentos na cidade o que mais preocupa os gestores no momento. O pagamento do 13º salário é uma das fontes de preocupação.
Apreensão de armas e drogas em Altamira (Foto: Divulgação/Polícia Civil)Armas e drogas foram apreendidas durante a ação.
(Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Três pessoas foram presas e várias apreensões de armas e drogas foram realizadas na terça-feira (24) no município de Altamira, no sudoeste do Pará. De acordo com informações da Polícia Civil, a operação "Athos II", teve o objetivo de cumprir mandados de busca e apreensão em locais apontados como pontos de tráfico de drogas.
Em uma das abordagens, os policiais encontraram em uma residência uma espingarda, três armas de fogo caseiras e um rifle calibre 38 com quatro munições, além de 20 munições de outros calibres, equipamentos para recarga de munição e pólvora.
Reservatório começa a ser cheio de água
Reservatório começa a ser cheio de água
O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) concedeu licença de operação para a Hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, e autorizou hoje (24) o enchimento do reservatório da usina, que está em construção há quatro anos e cinco meses no Rio Xingu. Segundo o Ibama, a licença de operação obtida pela empresa Norte Energia está relacionada ao cumprimento de 41 condicionantes. A licença é válida por seis anos.
Em parecer técnico de 10 de setembro, o Ibama havia apontado 12 pendências que impediam a emissão da licença. Sem o documento, a Norte Energia ficava impedida de encher o reservatório e dar início à geração de energia no empreendimento.
Vacinação contra febre aftosa
Vacinação contra febre aftosa
Segue até o dia 30 deste mês, em todo o Pará, a vacinação contra a febre aftosa, coordenada pelo Governo do Estado, por meio da Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará). Na reta final da campanha, as equipes intensificam as ações de norte a sul do Estado, para garantir a manutenção do status de livre da doença com vacinação, alcançado em 2014 junto à Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). O objetivo é conquistar mais mercados nacionais e internacionais para a produção paraense.
Servidores da Adepará em todo o Estado acompanham de perto o trabalho para garantir que todo o processo de vacinação atenda às metas da agência, que é alcançar o mais alto índice vacinal