quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Vítima de baleamento morreu na emergencia do HMI

"dodo"-acusado


Adeilson - vitima
Por volta das 19 horas de ontem, 12/01, na praça do Cidadão, na quadra de esportes, duas pessoas foram baleadas. Adeilson Prata Carvalho, 32, levou dois tiros, um à altura do peito e outro na barriga, provocando lesões no pulmão. Apesar da cirurgia, Adeilson não conseguiu sobreviver vindo a morrer por volta das 04 horas de manhã de hoje. Adailson Prata teve mais sorte pois conseguiu se desviar de um tiro que foi direcionado para a cabeça pegando de raspão no queixo. Segundo Adailson que foi atendido na emergência e recebeu um pequeno curativo,  a causa de toda essa violência foi algumas palavras ditas por seu irmão na quadra durante um jogo.
Adailson
O acusado de cometer os crimes estaria, apesar da pequena estatura "estrovando" outros jogadores fazendo prevalecer a vontade dele, quando Adeilson falou que se fosse com ele aquele baixinho não daria ordem. Adailson acredita que as palavras do irmão teriam chegado aos ouvidos de "Dodo" destorcidas, provocando o seu enfurecimento. E logo em seguida "Dodo" teria ido a algum lugar e voltado com um revolver e passou a atirar em Adeilson. Ele conta que tentou defender o irmão e também quase foi morto pois foi atingido de raspão no queixo.
do site rota policial de Itaituba -RPI

Nenhum comentário:

Postar um comentário