quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Nível do rio tapajós está abaixo do esperado


O nível do rio Tapajós, em Santarém, oeste do Pará, está 1,5 metro abaixo do esperado para o início de fevereiro, conforme dados da Capitania Fluvial de Santarém. Na segunda-feira (1), segundo o órgão, o nível das águas era de 2,98 metros, sendo que nos últimos seis anos a média foi de 4,5 metros.
De acordo com o capitão dos portos de Santarém, Ricardo Barbosa, o período chuvoso na região chegou com atraso, e isso pode justificar a subida lenta do rio. 'Normalmente as chuvas começam em dezembro, e nesse ano teve um fato inusitado que as chuvas atrasaram um pouco e só começaram na segunda quinzena de janeiro o que atrasou o processo de cheia do rio. O rio já começou a subir, porém ele se encontra ainda um pouco defasado com relação às médias históricas (...) Estamos com uma defasagem de 1,5 metro com relação à média histórica do rio. É uma diferença grande', destaca.

Os navegantes devem redobrar os cuidados durante o período de subida das águas. 'No período de seca do rio, o principal perigo são os encalhes, alguns locais com impossibilidade de navegação e conforme o rio vai subindo esses locais passam a estar disponíveis à navegação, porém aparecem outros perigos, como por exemplo, as pedras que estavam visíveis para o navegante agora poderão estar submersas o que necessita de um cuidado redobrado dos navegantes', alerta Barbosa.
do g1 pará 

Nenhum comentário:

Postar um comentário