A conta de energia elétrica terá redução a partir desta segunda-feira (1º), de acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).  Mas a alteração de valores ainda depende do consumo KWh porque será cobrada nas bandeiras tarifárias.
Se na conta o valor mais alto for menor que R$ 211,28 por KWh, a bandeira é verde e o consumidor não tem custo extra.  Mas se na conta o valor ficar entre R$ 211,28 e R$ 422,57 por KWh, a bandeira é amarela e o consumidor passa a pagar R$ 1,50 para cada KWh excedente.  Já na bandeira vermelha, se o valor for de R$ 422,56 até R$ 610 por KWh é pago R$ 3,00  para cada KWh a mais consumido.
O trecho Miritituba-Santarém foi incluído no processo de concessão, com cobrança de pedágio, da BR-163.

A informação foi repassada ontem, 28, ao ministro Helder Barbalho, daSecretaria dos Portos, por Antonio Carlos Rodrigues, ministro dos Transportes.

Até então esse trecho estava fora da concessão.
O tão aguardado Concurso Público para a Polícia Judiciária do estado do Pará deve ter o Edital publicado ainda neste mês de fevereiro. A informação foi repassada para a nossa equipe de reportagem pelo Delegado Geral da Polícia Civil no estado, Rilmar Firmino.
Ao todo serão disponibilizadas 650 vagas, sendo: 300 para o cargo de investigador, 180 para o cargo de escrivão, 150 para o cargo de delegado e 20 para a função de papiloscopista.
“Em 2015 realizamos investimentos em infraestrutura. Também conseguimos alcançar a meta de ter um delegado em cada município do estado. E para 2016, será disponibilizar recursos humanos, e assim conseguir suprir boa parte da necessidade de pessoal nas delegacias”, destacou o Delegado Geral Rilmar Firmino.
A Justiça Federal determinou que a União adote com urgência medidas básicas para o atendimento à saúde de 13 povos indígenas de Santarém, Belterra e Mojuí dos Campos, no oeste do Pará. O atendimento aos índios estava sendo negado sob as alegações de que as terras desses povos ainda não estão demarcadas ou porque há índios que não moram nas aldeias, mas o Ministério Público Federal (MPF) defendeu e a Justiça acatou a tese de que esses critérios são ilegais.
A decisão foi anunciada no site da Justiça no último dia 25, e o MPF teve acesso à íntegra do documento na última quinta-feira, dia 28. O juiz federal Victor de Carvalho Saboya Albuquerque estabeleceu prazo de 90 dias para que a União cadastre os indígenas no banco de dados do sistema diferenciado de saúde, distribua os cartões para acesso aos serviços e organize e passe a manter equipes de atendimento às comunidades.
sai Edilzia entra Elizana
Aconteceu na manhã desta segunda feira, 01 de Fevereiro, a solenidade de posse da nova diretora da 12ª URE- (UNIDADE REGIONAL DE EDUCAÇÃO).
A unidade estava sendo comandada pela professora Edilza Prata, que deixou o cargo, assumiu a professora (Elizana Silva Alves) que estava na direção da Escola Técnica de Itaituba. A professora já tinha sido indicada, mas estava aguardando apenas a publicação de sua nomeação no diário oficial do estado. 
O PROCON municipal de Itaituba aplicou multa administrativa na empresa CENTRAIS ELÉTRICAS DO PARÁ-CELPA, no valor de R$ 215.000,00 ( Duzentos e Quinze Mil Reais), pela reclamação de 21 consumidores Itaitubenses terem sido consideradas fundamentadas e não atendidas pela empresa.
Todas as reclamações tratavam-se da cobrança de valores excessivas pela empresa em razão de CNR-consumo não registrado por parte da empresa, que penalizou os consumidores por problemas técnicos apresentados pelos medidores de energia.