Fórum Santarém (Foto: Luana Leão/G1)Fórum de Santarém, no oeste do Pará (Foto: Luana Leão/Arquivo/G1)
Um homem foi preso na tarde desta segunda-feira (23) exercendo a atividade de advogado sem a carteira da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). De acordo com a Polícia Civil, o suspeito foi preso no Fórum da cidade ao se passar por advogado e que precisava acompanhar um processo judicial. O homem deve responder por crimes como estelionato e exercício ilegal da profissão.
Marco Antônio das Neves, Procurador Geral de Justiça do Pará
Marco Antônio das Neves, Procurador Geral de Justiça do Pará
Inicia nesta segunda-feira, na cidade de Itaituba, o Seminário “Impactos, desafios e perspectivas dos Grandes Projetos na Bacia do Tapajós”, promovido pelo Ministério Público do Pará em parceria com a Universidade Federal do Pará (UFPa). Os empreendimentos previstos devem afetar toda a região da Bacia do Tapajós, incluindo Santarém, Itaituba, Belterra, Placas, Aveiro, Mojui dos Campos, Novo Progresso, Juruti, Jacareacanga, Rurópolis e Trairão.
O evento prossegue até terça, 24, no Parque de Exposição Hélio da Mota Gueiros e tem como foco principal os impactos aos municípios que compõem a Bacia.
Conforme anunciado pelo Governador do Estado, Simão Jatene, e para dar continuidade à política de renovação do quadro efetivo de servidores, a Polícia Militar do Estado do Pará (PM) e a Secretaria de Estado da Administração (Sead), publicaram no Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira, 20, edital de concurso público para provimento de vagas. O certame ofertará 2.194 vagas, assim distribuídas: 2.000 para soldados, 160 para oficiais e outras 34 para a área de saúde (oficiais). Para concorrer às vagas, os candidatos deverão ter concluído o Ensino Médio ou Superior.
Casas antigas estão sendo destruídas pelo tempo
Casas antigas estão sendo destruídas pelo tempo
A Justiça Federal ordenou ao Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e ao município de Aveiro (oeste do Pará) que promovam medidas em caráter emergencial e solidário para a preservação do patrimônio histórico de Fordlândia, cidade criada por Henry Ford, na década de 20, do século passado.
Nos últimos anos, diante da demora do Iphan em concluir o tombamento do local e da falta de cuidados da Prefeitura, os prédios de Fordlândia vêm se deteriorando rapidamente. Diante do problema, várias foram as denúncias dos moradores com relação ao descaso do prefeito Olinaldo Barbosa (Fuzica) referentes aos prédios históricos de Fordlândia.