segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Violência em Itaituba foi tratada pelo vereador Diego Mota, na Câmara


Blog do Jota Parente – O vereador Diego Mota falou hoje, na sessão da Câmara, sobre sua preocupação com a violência que vem tirando o sossego de quem vive em Itaituba. Disse que assusta ver que muita gente trata do assunto com naturalidade, o que é muito ruim.

Vereador Diego Mota – Preocupa-me porque a gente não pode tratar dessa violência desenfreada com naturalidade. Muitas vezes o cidadão e a própria autoridade já não demonstram preocupação com essa situação. Quando se vê um cadáver, já não mais se assusta, ou, saber notícia de uma morte já não é mais se surpreende. Nossa cidade está numa escalada crescente de violência.
Ultimamente, pessoas são assassinadas, e muitas vezes nem se sabe por que motivo; as investigações não apresentam os resultados que a sociedade espera.

Temos dezenas de motocicletas que foram furtadas ou roubadas. Essas motocicletas são usadas para a prática de assaltos, ou para outros tipos de crimes como assassinatos. São bandidos audaciosos que não tem nada a perder, e às vezes, tiram a vida por coisas banais. Então, estou preocupado, e esse é um assunto que precisa ser discutido.

Blog do Jota Parente – Isso passa pelas condições de trabalho das polícias?

Vereador Diego Mota - Sabemos da questão estrutural das polícias Civil e Militar, da deficiência que há, e apesar dos esforços, a segurança pública não tem correspondido a essa necessidade. Está imperando em nosso município, a lei da selva, a lei da bala. Então, a gente não pode permitir; estamos preocupados com esse tipo de situação que a nossa cidade vem enfrentando.
A cidade está crescendo e não está se tomando providências, nem mesmo de planejamento para que realmente a gente possa combater essa criminalidade.

Blog do Jota Parente – O que fazer, vereador?

Vereador Diego Mota - Nós não vemos, em curto ou médio prazo, uma solução. O governo do estado não renovou o contrato com a empresa que fornece veículos alugados. Trabalhamos no âmbito Municipal para fazer alguma coisa, mas, o município pode fazer muito pouco, mas, pode fazer alguma coisa. Sugerimos que fosse implantada a guarda municipal para dar um pouco de apoio à Polícia Militar para proteção do patrimônio, com presença efetiva nas ruas. Nós queremos que o município também faça a sua parte.

Blog do Jota Parente – Não falta apertar mais o governo do estado?

Vereador Diego Mota – Certamente, sim. Precisamos de um planejamento estratégico. O governo do estado mandou o secretário de Segurança Pública, que veio aqui, mas, para fazer um discurso mais político do que para apresentar soluções prática. Nós precisamos que a polícia aumente o efetivo para cá, que aumente, principalmente, a estrutura dada aos nossos policiais.

A gente precisa ainda, cobrar agilidade nos processos judiciais, seja no inquérito e seja também no âmbito do Judiciário, que muitas vezes, essa novidade que é a Audiência de Custódia pode soar para a população como que alimente a impunidade. É preciso, não só prender o bandido, mas, mantê-lo preso, que é o grande desafio, pois a nossa legislação não contribui.

Blog do Jota Parente - Em suma, está perigoso sair de casa em Itaituba, de dia ou de noite, pois os bandidos não escolhem mais hora para atacar...

Vereador Diego Mota - Lamentavelmente, sim. Todo mundo sabe que essa é a situação na qual a gente vive atualmente. É preciso repercutir esse problema. Não temos, nem existe uma fórmula pronta para resolver isso. É necessário que toda a sociedade tome consciência disso e contribua como puder para ajudar a encontrar o caminho para a solução. Ressaltando, que além da violência advinda dos roubos, furtos e assassinatos, ainda temos a violência do trânsito, que é outro problema muito sério no nosso município.

Nenhum comentário:

Postar um comentário